14 de abril de 2013

Ao mesmo tempo Limitados e Eternos

Estou ou não ligado a algo infinito?
"A questão decisiva para o homem é; estou ou não ligado ao infinito? Essa é a pergunta fundamental em sua vida.. Quando sabemos que aquilo que realmente importa é o infinito, podemos evitar concentrar nosso interesse em futilidades e em objetivos que não têm verdadeira importância. [...] Se entendermos e sentirmos que aqui, nesta vida, já temos uma ligação com o infinito, nossos desejos e atitudes mudarão. Em última análise, só valemos alguma coisa pelo essencial que contemos, e, se não o consubstanciarmos, a vida será desperdiçada. Da mesma forma, a questão crucial em nossas relações com outros indivíduos é saber se nelas se manifesta um elemento de infinitude.
A sensação de infinitude, porém, só pode ser alcançada se estivermos ligados ao supremo. [...] Só a consciência de nosso estreito confinamento no self nos vincula ao ilimitado do inconsciente. Só com essa consciência nos sentimos ao mesmo tempo limitados e eternos."
Carl Gustav Jung - Memórias , Sonhos e Reflexões.
"Claire Dunne" in Carl Jung Curador Ferido de Almas.
Postar um comentário