7 de março de 2012

Mudança


"Apenas aquele que aceitou a mudança de atitudes é que se pode considerar realmente curado, pois só a transformação íntima é que nos pode tirar, gradativamente, dos ciclos perversos dos desequilíbrios interiores, que geram as enfermidades do corpo e as aflições humanas. Tenhamos em mente que não somos o que os outros pensam, e, muitas vezes, nem mesmo o que pensamos ser, mas somos, verdadeiramente, o que sentimos. Aliás, os sentimentos revelam nosso desempenho no passado, nossa atuação no presente e nossa potencialidade no futuro."
Francisco de Espírito Santo Neto
Postar um comentário